quinta-feira, 5 de abril de 2018

Sindijor Foz realiza eleição para diretoria

Foz do Iguaçu - Foto: Marcos Labanca

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná realiza eleição, nos dias 10, 11 e 12 de abril, para a escolha da nova diretoria estadual. Em Foz do Iguaçu, uma chapa composta por cinco jornalistas está inscrita à subseção do Sindijor.

Integram a composição: Alexandre Palmar (vice-presidente regional), Aurea Cunha (diretora de Cultura), Denise Paro (diretora de Formação), Marcelo Arend da Silva (diretor de Imagem) e Mayara Godoy (diretora de Ação para a Cidadania).

A chapa atuará em frentes como a defesa corporativa, combate aos ataques aos direitos trabalhistas, valorização da profissão, formação, debate sobre os caminhos do jornalismo e diálogo com a comunidade.

Uma bandeira prioritária é a criação do Observatório de Imprensa, formado por integrantes da categoria e por representantes de outras instituições, como sindicatos, associações e universidades.

Outra ação é colocar em prática as ideias do Roda de Conversa, coletivo de comunicadores que ao longo de 2017 discutiu e formulou propostas para a capacitação e a geração de oportunidades no mercado de trabalho.

Estadual – Uma chapa foi inscrita para participar das eleições, que é a Chapa 1 – Luta Jornalista. Ela tem como candidato a presidente o jornalista Gustavo Henrique Vidal, atual presidente do Sindijor PR.

Vale destacar que o jornalista iguaçuense José Roberto Geremias, atual vice-presidente da Subseção de Foz e Região, também integra a chapa estadual ao Sindijor PR. Ele concorre ao cargo de diretor de Saúde e Previdência.

Para o Conselho Fiscal haverá quatro candidatos, podendo o jornalista escolher até três nomes. Para a Comissão de Ética são sete profissionais concorrendo, com a opção de se votar em até cinco candidatos. O mandato de todos os eleitos para a gestão 2018-2021 iniciará em 26 de abril.

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Trabalhadores unificam revindicações em ato na Praça da Bíblia


O 1º de Maio foi marcado pela união do trabalhador da cidade e do campo em Foz do Iguaçu. Representantes de diferentes setores da comunidade ocuparam a Praça da Bíblia para levar suas reivindicações ao microfone, faixas, cartazes e panfletos, neste Dia do Trabalhador. O ato público contou com apresentações de vários artistas iguaçuenses.

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Foz tem Ato Unificado do Dia do Trabalhador na Praça da Bíblia


Nenhum direito a menos! Esse é o lema de sindicatos, movimentos sociais, partidos e organizações populares que realizarão ato público neste domingo, 1º de maio, para marcar o Dia do Trabalhador, em Foz do Iguaçu. O evento será promovido na Praça da Bíblia, a partir das 17 horas, com uma programação política e cultural.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

O apagão telefônico da Gazetinha


Seria cômico se não fosse trágico. A direção de Gazeta do Iguaçu finalmente restabeleceu condições mínimas de trabalho para os jornalistas. A redação do diário ficou pelo menos um mês sem nenhum telefone ---uma ferramenta básica para o exercício da profissão. 

Durante as últimas quatro semanas, os trabalhadores tiveram que buscar alternativas de comunicação, como usar o ramal da sala do editor-chefe ou do departamento administrativo/comercial, além de compartilhar um aparelho de celular fornecido pela firma. 

Coincidência ou não, o problema só foi resolvido após representantes do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná cobrarem da direção da empresa uma solução para o caso. A reunião ocorreu no dia 5 de fevereiro. Os telefones foram instalados na redação no dia 13.

Durante a reunião, a empresa alegou que passa por reformas físicas em sua sede, sendo o problema falta de assistência da operadora de telefonia, que demorou para reestabelecer o serviço. Justificativas à parte, o Sindijor repudia a falta de planejamento que prejudica os trabalhadores da categoria.

Em tempos de inovações tecnológicas, deixar jornalistas sem telefone é sambar na nossa cara. Precisamos, sim, é ampliar nossos direitos, como valorização da profissão. Que no próximo apagão telefônico, a Gazetinha ao menos compre um aparelho sem fio para os funcionários da redação.


(Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná)

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Torneio de Futebol - Imprensa 2014

Torneio de Futebol - Imprensa 2014
Venha mostrar seu talento futebolístico no campinho do Parque Nacional do Iguaçu neste final de semana. As partidas serão realizadas no sábado (20 de dezembro), das 14 às 18 horas e domingo (21), das 9 às 12 horas. O Torneio de Futebol Imprensa 2014 tem o objetivo de integrar e proporcionar momentos de lazer com os profissionais de mídia de Foz do Iguaçu.
No domingo, às 12 horas, será servido almoço com churrasco e refrigerante para todos participantes. A participação é gratuita.  A atividade conta com o apoio da Concessionária Cataratas do Iguaçu S.A e Parque Nacional do Iguaçu / ICMBio. Veja as regras e participe desta confraternização.

Condições para participar
Poderão participar do Torneio imprensa 2014: jornalistas, trabalhadores dos veículos de imprensa (geral), estudantes de jornalismo, diretores de empresas de comunicação.

Inscrições
Solicite sua inscrição com Roberto Geremias – presidente regional do Sindijor -  pelo telefone 9813-9913 ou pelo e-mail sindijorfozeregiao@gmail.com. O prazo para inscrições de equipes e atletas avulsos - encerram no dia 19 de dezembro (sexta-feira), às 14 horas. As inscrições são gratuitas.

Formação das equipes
A formação no campinho do parque é de 5 jogadores na linha e 1 goleiro.  Recomendamos inscrever atletas para o banco de reservas até 5 atletas. Número de jogadores por time será de até 10.

Condições das inscrições
Todas as inscrições de atletas para a competição serão submetidas à apreciação da Comissão Organizadora.

Partidas
O local de realização dos jogos será no campinho do parque, localizado no interior do Parque Nacional do Iguaçu – 50 metros após o portão de entrada da unidade. Os jogos serão realizados das 14 às 18 horas de sábado (20 de dezembro) e das 9 às 12 horas de domingo (21 de dezembro)

Os sorteios das partidas serão realizados no sábado, no local da partida.

Trófeus
Os times ganhadores serao premiados com trófeus.

Uniforme
As equipes deverão se apresentar com camiseta numerada.

Disciplina
A Comissão Organizadora poderá sancionar os atletas infratores com penalidades mais severas, e até mesmo com a eliminação do campeonato. Qualquer ato de violência e/ou, indisciplina cometido por atletas, contra atletas ou arbitragem, será julgado pela Comissão Organizadora. Todos serão declarados conhecedores do presente regulamento e das regras que regem a modalidade, devendo cumpri-lo para o bom andamento da competição.

Responsabilidades
A Comissão Organizadora não se responsabiliza por quaisquer acidentes ou incidentes, ocorridos antes, durante e depois de cada jogo.  

Atenção
É proibido o consumo e a entrada de bebida alcoólica no local. Os representantes das equipes participantes, abaixo assinados, serão responsáveis por qualquer incidente ou ato de indisciplina.

Acesso ao parque
Informe nome completo, placa e modelo de veículo para o email: sindijorfozeregiao@gmail.com. O prazo para envio das informações encerra dia 19 de dezembro (sexta-feira), às 14 horas.

Os casos omissos a este regulamento serão julgados pela Comissão Organizadora.  

Roberto Geremias
Presidente da Subseção do Sindicato dos Jornalistas

Foz do Iguaçu, 18 de dezembro de 2014




terça-feira, 2 de setembro de 2014

NOTA DE REPÚDIO

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Paraná Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor-PR), por meio da Subseção Regional de Foz do Iguaçu vem a público repudiar a agressão sofrida pela jornalista Rossana Schimitz durante exercício do trabalho na Câmara Municipal de Vereadores de Foz do Iguaçu.

O vereador Dilto Vitorassi, em uma demonstração de total desrespeito com a profissional, proferiu um tapa no caderno que Rossana segurava no momento de uma discussão, ocorrida nesta segunda-feira, 1º. No atrito, a jornalista machucou a mão.

O Sindicato dos Jornalistas lamenta a situação ocorrida e solicita que Câmara Municipal de Foz do Iguaçu tome as providências legais cabíveis para reparar e responsabilizar o vereador citado pela agressão e desrespeito com a profissional. O Sindijor ainda informa que irá auxiliar Rossana no que for necessário para que casos como este não se repitam.

Sindijor - PR